Pages - Menu

31 de dezembro de 2012

Feliz Ano novo!

5...4...3...2...1...


Daqui a algumas horas um novo ano estará entrando!
Após mais uma "profecia" que não se cumpre, temos mais alguns anos para aproveitar! rs
2012 se despede e já deixa saudades, para mim, um dos melhores anos que vivi. Ano de muitas mudanças, conquistas e renúncias.
Estou MUITO feliz, pois em cada decisão tive ao meu lado pessoas que foram fundamentais para que eu tivesse coragem. Que não me deixaram desistir em meio as dificuldades :)

E o que falar do blog? Das pessoas que conheci aqui? Do que aprendi?
Não há palavras suficientes... Cada visita, cada comentário, cada elogio, cada crítica foram importantes! Cada ponto em comum, cada sonho compartilhado, tudo foi muito especial!
Pessoas a quem, mesmo distante, mesmo não conhecendo pessoalmente nutro um carinho gigante!
Ainda estou andando, caminhado, tentando sempre melhorar! Afinal, minha meta aqui é sempre divulgar o quanto é bom ler e como isso nos faz um beeemm :)

Só posso agradecer a todos vocês que fizeram do meu blog esse ano mais um cantinho de leitura. Que separam tempo para vir aqui, meu MUITO OBRIGADA!

Desejo a todos um virada cheia de alegria e paz!
Que 2013 seja um ano repleto de coisas boas e muuuitos livros! :D

Venha 2013, pois estamos preparados para você! ;)

27 de dezembro de 2012

O Festim dos Corvos

 

Em Porto Real Cersei tenta manter o poder nas mãos dos leões da Casa Lannister. Envolvida com suas tramas e cega por uma profecia dada a ela quando jovem, Cersei não percebe que o reino está ruindo. Ela tenta se manter como rainha, mas até quando? Afinal Tommen é diferente de Joffrey e ele tem ao lado a pequena rainha Margaery, que ousa enfrentar a Rainha Regente.
Jaime, o Regicida, está de volta a Porto Real, dividido entre servir sua irmã Cersei ou cumprir as promessas feitas a Catelyn Stark e Brienne. Mas como se sabe, Jaime nunca foi um homem de confiança, mas será que todos estão enganados? Provará ele ser um homem honrado?
Na Muralha, Jon Snow tem que lidar com a vontade de Stannis, querendo colocá-lo como senhor de Winterfell. Era tudo o que ele mais desejava, afinal, seria por de lado o nome "Snow" e se tornar um legítimo "Stark". Mas ele precisa lidar com os desafios na Muralha e agora com a Sacerdotisa Vermelha por perto, querendo sacrificar homens com sangue real para despertar um dragão adormecido, ele manda Sam juntamente com Aemon, Goiva e seu bebê rumo a Cidadela.
Em Pyke um novo inimigo, um novo rei surge nas Ilhas de Ferro. Obstinado a conquistar Westeros, fala histórias de dragões surgindo do outro lado do mar e prometendo ao povo dominá-los.
Sansa consegue fugir das garras de Cersei e longe de Porto Real precisa aprender a jogar o Jogo dos Tronos para sobreviver. Agora ela precisa esquecer Sansa Stark e se tornar Alayne Stone, uma bastarda para que consiga ir mais longe no jogo.
Arya foge para a terra de Jaqen H'gar e lá é acolhida por um sombrio local que serve ao Deus Estranho. Lá ela precisa abdicar de toda a sua vida como Stark para que aprenda a ser como um deles. Não é uma tarefa fácil, afinal tudo o que ela mais deseja é vingança.

Como sempre essa série me surpreendendo! Já cansei de dizer, mas repito: essa é uma das séries mais fantásticas que já li! Porém diferente dos livros anteriores esse tem um ritmo mais lento e a quem diga que é o livro mais chato da série.
Mas não concordo. Sim, ele é mais paradão, mas esse livro mostra o pós guerra, como o reino fica depois das batalhas. Como as decisões de reis tem suas consequências drásticas e principalmente para o povo. Essa é a visão que o livro nos dá, é literalmente o "Festim dos Corvos".
Aqui Cersei tem mais espaço, sendo capítulos pela visão dela. Podemos ver seus anseios de mãe, mulher e filha do temido Tywin Lannister. Assim como suas tramas, suas conspirações e seus medos.
Aqui continuamos tendo a visão de Jaime Lannister e começamos a entender suas motivações. Na verdade, vemos um lado bem humano dele. Entretanto ele não chega a ser um "mocinho" no livro.
Foram acrescentadas as visão de personagens que estão nas Ilhas de Ferro e também de Dorne, onde a princesa Myrcella está.
Só senti falta, é claro, da visão do lindoooooo Jon que neste livro só podemos ter menção dele através de Sam.  E também senti falta da poderosa Daenerys Targaryen, mas no livro "A Tormenta de Espadas" (resenha aqui) deu a entender que talvez no próximo não teríamos a visão dela.
Eu gostei muito do livro, assim como todos os demais da série. "O Festim dos Corvos" me emocionou em muitas partes, sendo uma delas com Arya e sua espada Agulha. Foi quase como relembrar os outros livros e tudo o que aconteceu desde que fomos apresentados a família Stark.
Bem, eu diria que George Martin nos acostumou mal nos livros anteriores. Reviravoltas e a cada virar de página ficávamos com o coração na mão pensando: quem ele vai matar agora? E neste o autor deu uma acalmada, como se fosse um respirar entre as leituras.
Claro que George não conseguiria ficar sem nos dar um bom susto rs! Há sim reviravoltas e surpresas e para mim um final surpreendente, só para nos deixar ansiosos para o próximo livro "A Dança dos Dragões".

Um ótimo livro e indicação certa! ;)

"Na macieira, à beira d'agua, um rouxinol começou a cantar. Era um som doce, uma pausa bem vinda nos gritos roucos e no crocitar sem fim dos corvos de que cuidara o dia inteiro."
Pág: 11

"Antes de perder a vista, o meistre amara tanto os livros como Samwell Tarly. Compreendia o modo como por vezes se podia cair dentro deles, como se cada página fosse um buraco aberto para outro mundo."
Pág: 69

25 de dezembro de 2012

Meme #7 - Natal me faz lembrar



HO HO HO FELIZ NATAL!

E então pessoal, como foi a o Natal? Muitos presentes? Muitos livros? ;)
O meu foi ótimo, passei com meus pais, fizemos o clássico amigo secreto e hoje com esse calor, passamos o dia na praia!
Foi então que recebi mais um presentinho aqui no mundo dos blogs, da linda Bianca do blog Behind Enemy Line ! Obrigada flor, adorei! E obrigada por lembrar do meu cantinho ;)
Como é um meme de Natal, achei que o melhor seria postá-lo hoje e então vamos as perguntas!

Como todo meme tem suas regrinhas, lá vai:
> Indicar 10 blogs para participar
> Dizer no blog quem te indicou

1) Qual o filme com o tema natalino é o seu favorito?
"Esqueceram de mim" sem dúvida! Lembra minha infância e os natais que passei com a minha avó, que hoje não tenho mais esse privilégio...

 2) Qual sua cor favorita de Natal?
Vermelho :)

3) Você gosta de ficar de pijama ou vestir-se para o natal?
Como normalmente passo o natal na casa dos meus pais ou do meu avô, acabo sempre me arrumando!

4) Se você pudesse comprar apenas um presente para uma única pessoa nesse natal, quem seria?
Para minha afilhada, Alícia! (meu bebê lindoo ^.^)

5) Você costume abrir seu presente à noite (na véspera), ou na manhã de natal?
Sempre na véspera! ;) Perto da meia noite já começamos a revelar o amigo secreto! ;D

6)  Você já construiu uma casa de pão de gengibre? 
Por favor, alguém me explique! hahaha 
Eu nunca nem ouvi falar nesse costume e que eu lembre não vi ninguém fazer também! rs Fiquei curiosa agora ;P

7) O que você gosta de fazer em seu feriado de natal?
Normalmente faço algum programa com meus pais ;) Hoje mesmo passamos o dia na praia :D

8) Algum desejo de Natal?
Muitos, rsrs. Mas que a gente nunca pare de sonhar! Sonhos nos movem :))

9) Cheiro de Natal favorito?
Do peru assando... huummmm

10) Prefere a ceia de natal ou os doces e sobremesas?
Ahh isso não se deve escolher, eles fazem um conjunto perfeito! hahahaha

Blogs indicados:
Como vi que praticamente todos já fizeram esse meme, quem quiser se sinta a vontade! ;)
Faça para relembrar natais que foram bons, presentes especiais, pessoas especiais... Natal é isso, momento em que olhamos o que temos a nossa volta e percebemos o quanto somos privilegiados!

Obrigada a todos e mais uma vez, UM FELIZ NATAL! *.*.*.*

23 de dezembro de 2012

Meme e Selo #6

Olá! ;)

Tenho tantos memes para responder, selinhos para postar!
Aos que repassaram para mim: eu não esqueci, assim espero, apenas não consegui fazê-los!

Hoje vou postar mais um presente fofo da Kézia do blog Fulana Leitora ^.^
Demorou, mas aí está o presente que recebi! Muito obrigada Ké, adorei! ;D



Tem apenas duas regrinhas:
- responder as perguntas;
- repassar para 3 blogs;

O que você mais gosta no seu blog?
Da interatividade com outros blogueiros! ;)
É sempre muito bom, se conhece muita gente legal e se aprende muito! Cada dia é algo novo, não apenas indicação de livros, mas vai muito além disso.

Você mesma que fez o Layout do seu blog?
Sim! Testei vários, mas nenhum me fisgou! 
Acabei ficando com esse mesmo, simples, mas tem a minha cara ;)

Gosta de falar sobre o que nele?
Livros :D Acabo sempre postando uma coisa ou outra que achei interessante, mas a essência dele é sobre aquilo que li ;)

Repasso para:

Mais uma vez, obrigada Ké!
E como provavelmente não volto a postar antes do Natal, desejo Boas Festas a todos! Muita alegria, paz e muitos livros de presente ! ;)

Beijos,
Pri

21 de dezembro de 2012

Saga Crepúsculo

Ontem fui assistir o último filme da série 'Crepúsculo'. Como não sou uma super fã esperei passar o mês de estreia e toda aquela loucura dos primeiros dias.
Decidi então relembrar a história, e com isso, fazer um resumo dos livros. De costume seria um livro por postagem, mas decidi fazer todos em um post ;)
Por isso, se você não leu ou não assistiu aos filmes, o que acho bem difícil rs, o texto irá conter SPOILERS. Você foi avisado ;)

Livro 1 - Crepúsculo

Bella Swan vive na ensolarada cidade de Phoenix, mas com o casamento de sua mãe ela decide morar com o pai na pequena e chuvosa cidade de Forks. Lá ela conhece a misteriosa família Cullen e entre eles está Edward, por quem ela tem uma estranha atração.
Ela percebe que ele tenta evitá-la de todas as formas, mas certo dia Bella está em frente à escola e um carro desgovernado vai em sua direção. Edward a salva, revelando uma força que está além de um ser humano comum.
Curiosa, Bella decide investigar e Edward confirma suas suspeitas: ele é um vampiro.
É então que Bella e Edward assumem que estão apaixonados e decidem ficar juntos, mesmo correndo todos os riscos em ela ser uma humana e ele um vampiro.


Livro 2 - Lua Nova

Depois de fazer Bella passar por muitos perigos e quase morrer nas mãos de outros vampiros, para protegê-la Edward decide ir embora. 
Triste, Bella fica totalmente sem rumo e é então que ela e Jacob, seu amigo da tribo dos Quileutes, se aproximam.
Porém Jacob também some e ela vai atrás dele. Bella descobre que seu amigo passou por transformações e que na verdade Jacob é um lobisomem, inimigo antigo dos vampiros.
Bella decide então pular de um penhasco para o mar, para que dessa forma ela 'ouça' Edward. Em seguida ela recebe a visita de Alice, irmã de Edward, que diz que ele acredita que ela se matou e por causa disso o irmão foi atrás dos Volturi para ser morto.
Bella correndo contra o tempo, vai atrás de Edward para provar que está viva e a sua intenção nunca foi a morte. Ela consegue chegar a tempo.
Mas é preciso enfrentar os Volturi, afinal uma humana e um vampiro juntos podem comprometê-los. Bella e Edward vão embora, com a promessa de que logo ela seria tranformada.
É então que percebem que não podem ficar longe um do outro. Decidem ficar juntos e não se afastar mais.

Livro 3 - Eclipse

Bella está dividida. O sentimento em relação a Jacob e o medo da transformação se intensificam.
Porém surgem rumores de humanos sendo transformados em vampiros em uma cidade próxima a Forks. Com medo dos Volturi irem verificar o que está acontecendo e também conferir se Bella já foi transformada, os Cullen decidem investigar.
Eles descobrem que é um exército recém formado por Victoria, para vingar a morte de James, seu companheiro morto por Edward. Um companheiro por outro, sou seja, o objetivo é matar Bella.
É então que lobisomens e vampiros se unem para proteger Bella. 
Com os inimigos destruídos, Bella precisa tomar uma decisão: escolher entre Jacob e Edward. Ela percebe que está apaixonada por Jacob também, mas não o suficiente para desistir de Edward. Jacob vai embora.
Em meio a tudo isso Edward pede Bella em casamento, que um pouco contrariada, aceita o pedido.

Livro 4 - Amanhecer

Edward e Bella se casam e vão passar a lua de mel em uma pequena ilha no Brasil. Lá eles tem sua primeira noite de amor, ela humana e ele um vampiro.
Após a primeira noite, Bella acorda machucada e Edward não quer mais tocá-la até ela ser transformada.
Os dias passam e Bella começa a ter enjoos e começa a perceber diferenças em seu corpo. Ela descobre que está grávida.
Edward fica desesperado e com medo dela não suportar a gravidez, ele insiste que ela tire a criança, mas Bella não aceita.
A gestação é rápida e logo Reneesme nasce, metade humana, metade vampira. Com os lobisomens divididos, parte deles quer matar a "criatura", mas é então que Jacob tem um 'imprinting' (uma ligação para a vida toda) com Reneesme. Como é lei no clã dos lobos, agora, ninguém pode tocá-la.
Bella é transformada em vampira.
Tudo parece tranquilo, Bella descobrindo suas habilidades, Reneesme crescendo, a paz entre lobos e vampiros. Mas os Volturi descobrem a existência da menina e acreditando que ela é uma criança transformada, decidem ir atrás dos Cullen para punir pelo crime cometido.
Para provar que Reneesme não foi transformada e sim nasceu, os Cullen reúnem o maior número de amigos para testemunhar a favor deles, explicando que a menina realmente é filha de Edward e Bella.
Os Volturi chegam e mesmo provando que ela é meio-humana e meio-vampira e que não oferece perigo ao clã de vampiros, os Volturi alegam que ela pode ser perigosa. Bella então, consegue controlar o seu dom e cria um escudo para proteção de todos.
Quase não conseguindo conter a batalha, Alice chega a tempo de provar que Reneesme não será perigosa. Ela traz junto dela um jovem homem que é como a menina, mostrando que eles são como vampiros se alimentando de sangue ou como humanos, se alimentando normalmente, mas vivendo muitos anos.
Provando assim que ela não traz perigo algum e evitando a guerra.

1 de dezembro de 2012

Sorteio de Final de Ano - Livro Um Dia de David Nicholls




Dezembro entrando e com ele aquele clima gostoso do natal ^.^
Eu já comecei a fazer minhas compras e claro, entre elas estão LIVROS! rs
Houve um livro que li muitas resenhas e blogs falando dele. Fiquei curiosa e decidi comprá-lo.
Foi então que pensei: "puxa, tenho recebido tantas palavras de incentivo do pessoal que acessa meu Baú. Queria fazer algo para agradecer." Como não há muitas possibilidades, quero dizer que cada comentário é muito importante e faz eu sentir vontade de investir cada dia mais na leitura e consequentemente, aqui! Onde meu objetivo sempre foi expressar esse amor que tenho pela leitura e quem sabe, influenciar outros a ler também. :)
Foi então que decidi presentear um de vocês com esse livro. ;)
Como não posso dar a todos, vou fazer um sorteio! Simples, mas de coração <3

Para participar é só seguir as regrinhas:
- ter endereço de entrega no Brasil
- seguir o blog publicamente
- comentar neste post

Estar ciente que o ganhador terá 3 dias após a divulgação do resultado para responder ao e-mail com os dados solicitados e que o livro será entregue em até 30 dias após o envio dos dados ;)

As inscrições começam dia 01/12 e duram até dia 31/12.
Para começar 2013 de livro novo! ;D



Ps¹: Como não li o livro ainda, aguardo ansiosa pela resenha do ganhador, isso se ele, como eu não tenha lido! E para dizer se devo ou não comprá-lo novamente! rs

Ps²: Como houve um pequeno probleminha no formulário, as regras para o sorteio será apenas comentar nesta postagem e seguir o blog publicamente ;) Desculpem o transtorno!

Abraço e boa sorte a todos!

25 de novembro de 2012

Personagens Marcantes #2

Personagem Escolhido: Jamie Sullivan
Livro: Um amor para Recordar
Autor: Nicholas Sparks
Resenha aqui

Conhecendo o Personagem

Jamie é filha de um pastor de uma pequena cidade. Ela não possui irmãos e sua mãe morreu a muitos anos, vivendo apenas com o pai, que faz de tudo para protegê-la.
Ela é o tipo de garota "certinha" e não possui muitos amigos. Até conhecer Landon e acaba acontecendo o que ela mais temia: eles se apaixonam. Porém ela guarda um segredo que pode mudar as suas vidas.

Minha opinião

Esse foi um dos livros que mais me fez chorar. É uma história clichê, mas me emocionou muito.
O que me encantou em Jamie foi a visão de mundo que ela possuía. Tentava sempre ver e tirar o melhor de qualquer situação, mesmo com muitos motivos para ser revoltada e não aceitar a sua situação.
SPOILER: Jamie tem leucemia a alguns anos, mas não há cura e ela não responde mais ao tratamento. 
Mas ela fez exatamente o oposto.
Não vou negar que por vezes ela se torna um pouco chatinha, mas acredito que isso acontece por esperarmos uma posição "mais revoltada" dela. rs
Vejo que o autor quis mostrar neste livro e através da vida de Jamie que não devemos olhar o que não temos ou o que não poderemos ter, mas valorizar o que já possuímos. Aproveitar o tempo para ser feliz e não questionando porque passamos por isso ou aquilo.

Um amor para recordar é uma das histórias mais bonitas que já li, mas me decepcionei muito com o filme, que não tem nada haver com o livro.
Vale a pena a leitura!
Não diferente dos livros de Nicholas Sparks, ele tem uma mensagem linda, que nos faz refletir e olhar para nossas atitudes.

17 de novembro de 2012

As Crônicas de Nárnia - Leão, a Feiticeira e o Guarda Roupa


Durante a II Guerra Mundial, Londres está em guerra e para fugir dela os irmãos Pevensie, Pedro, Suzana, Edmundo e Lucia são mandados para a casa de um professor a fim de serem protegidos.
Em meio a uma brincadeira, Lucia encontra uma sala vazia contendo apenas um antigo guarda roupa. Ela se esconde dentro dele e acaba descobrindo que ele é uma passagem para uma terra chamada Nárnia.
Ela  corre para contar para os irmãos, mas eles não acreditam, dizendo que tudo não passou de imaginação.
Após uma travessura, com medo de serem castigados os irmãos Pevensie correm para se esconder e acabam indo para o tal guarda roupa. É então que todos vão parar em Nárnia.
Nárnia está sendo castigada por um rigoroso inverno e lá eles conhecem uma antiga profecia narniana: que dois filhos de Adão e duas filhas de Eva surgiriam e eles se tornariam Reis e Rainhas de Nárnia, ao lado de Aslam e com isso seria o fim do império da Feiticeira Branca e o inverno imposto por ela.
É então que os irmãos vão ao encontro de Aslam e a procura de Edmundo, que foi seduzido pela Feiticeira Branca.

Para mim ele é bom, mas não é o melhor livro das Crônicas de Nárnia.
Nele somos apresentados aos irmãos Pevensie. Me identifico muito Lucia, criativa e muito sonhadora. Mas gosto bastante de Edmundo, mesmo ele sendo o "irmão mau" rs. Ele nos mostra que é possível se arrepender e mudar de atitude.
Já Pedro é forte e destemido, o irmão mais velho que toma as responsabilidades para si. Um verdadeiro rei.
E Suzana é a mais incrédula, mesmo estando em Nárnia, não consegue acreditar na profecia e só pensa em voltar para o "mundo real", até que é totalmente convencida.
Este livro foi o primeiro a ser transformado em filme (apesar de não ser o primeiro livro), na verdade ele é o segundo, é a sequência do Sobrinho do Mago (resenha aqui).
Eu diria que o filme foi muito fiel ao livro, como poucos. Não lembro de nada (no momento) que seja diferente. Isso para mim foi um ponto extremamente positivo!

Eu gostei muito, ele é um dos que mais gosto da série, mas ainda sim não é meu preferido ;)

10 de novembro de 2012

Once Upon a Time


Olá!

Nunca fui de acompanhar séries. Assistia um episódio ou outro de algum (House, que adoro) mas nunca com assiduidade de um fã.
Com o início da minha leitura dos livros de George Martin, "As Crônicas de Gelo e Fogo" acabei descobrindo que havia uma série baseada neles. Óbvio, corri para assistir e adorei!
Comecei então a acompanhar a série "Game of Thrones" ;)
Mas gostei disso e comecei a pesquisar sobre boas séries. Acabei encontrando outra, indicada pela  minha irmã que dizia que eu ia adorar, que era a minha cara!
Quem não conhece a história da Branca de Neve? Ou da Cinderela? A Bela e a Fera (amooooo) ou Chapeuzinho Vermelho? Clássicos infantis que assistíamos quando éramos crianças (ou até hoje..rs) ou nossos pais liam para nós.
Pois então, é exatamente o que a série "Once Upon a Time" aborda: esses clássicos. Mas não é exatamente como conhecemos e sim com uma roupagem nova, o velho com uma cara nova ;)
Não curto muito mudanças, mas tenho que admitir que ficaram sensacionais!!
E foi exatamente o que me tirou um pouco do mundo virtual essas semanas (fora minha mudança de trabalho). A série está no inicio da segunda temporada e eu corri para assistir a primeira!

Resumindo a série:

No casamento da Branca de Neve e o Príncipe Encantado (ele tem um nome! rs) a Rainha Má avisa que lançará uma maldição no Reino, onde todos os finais felizes não existirão mais.
Branca de Neve está grávida e ela procura Rumpelstiltskin (o Senhor das Trevas) e ele diz que o bebê que ela espera é a chave para quebrar a maldição, que após 28 anos ela retornará e quebrará o feitiço.
É construído então um guarda roupa de uma árvore mágica onde apenas um pode entrar e quem estiver nele será levado para um mundo sem magia. Emma nasce e é colocada nele.
A maldição é lançada e todos são levados para o nosso mundo, para uma cidade chamada Storybrooke onde todos os personagens não lembram quem realmente são.
No seu 28º aniversário Emma recebe uma visita inusitada, de seu filho que ela deu para a adoção a 10 anos atrás, ela leva o menino de volta a mãe adotiva que mora nada mais, nada menos que em Storybrooke.

Eu amei a série, os contos de fadas foram todos adaptados e ficaram muito bons! Meus preferidos foram, a Bela e a Fera e a Chapeuzinho Vermelho.
Palmas para os vilões da série, são demais! Rumpelstiltskin e a Evil Queen são os melhores personagens! Mas vilões!? Será que realmente são? ;)
E na série tem um livro chamado "Once Upon a Time" que é de Henry, filho de Emma onde contém todas as histórias. Fiquei LOUCA por ele e bem que poderiam lançá-lo, com certeza eu compraria! É um livrão lindo! rsrs

E então já conhecem a série? Alguém aqui assiste?

Beijão,
Pri

24 de outubro de 2012

Meme #5

Olá!

Recebi esse meme faz um tempão! A Kezia do blog Fulana Leitora foi quem me passou e deve ter pensado que eu esqueci!
Mas não, tive os problemas técnicos básicos... rs. Como o meme exigia uma fotografia, tive que correr atrás de uma, pois a minha quebrou (nem conto como foi que ela caiu...). Mas corre daqui e dali, triste notícia: sem conserto :/ 
Acabei recorrendo a minha irmã que tem uma!
Passado a saga para fazer o meme, enfim consegui e ai está ele! Achei super criativo, nos tira um pouco do 'digitar' e nos leva ao bom e velho papel e caneta. :)
Senti uma saudade de escrever carta. Tenho uma amiga que mora no norte do Estado e ainda que a gente converse pela internet, não abandonamos o hábito das cartas. E digo, não há comparação entre ler o que foi escrito e um email. Assim como entre um livro impresso e um e-book.

Ta, mas chega de falar e vamos ao meme rsrs...


Beijo grande a todos. 
E mais uma vez, muito obrigada Ke :)

Pri

21 de outubro de 2012

The Fantastic Flying Books


Olá gente!
Hoje eu não tinha nada programado para postagem, apesar de alguns memes para responder e resenhas a serem feitas.Como todo dia, dou uma espiadinha no que está rolando na internet e nas novidades do mundo dos livros.
Foi então que encontrei esse vídeo... Foi minha mãe quem assistiu e me marcou no Facebook. Disse que eu assistisse, pois ela havia se lembrado de mim enquanto assistia...

Assisti e...
Ele é demais, emocionante!
Mostra o que os livros fazem na vida das pessoas. Transformam e trazem cor :)
É um curta que ganhou o oscar em 2012. Não resisti e tive que trazer para compartilhar com vocês.
Minhas palavras serão poucas para expressar a beleza do vídeo!

Assistam e digam que não é exatamente isso que os livros fazem conosco!

Vídeo aqui

Beijão,
Pri.

17 de outubro de 2012

A Tormenta de Espadas


O Reino sangra após a Batalha da Água Negra, tenta se reerguer após tantas perdas.
Porém a guerra continua e enquanto os Reis conspiram uns contra os outros uma ameça vem do Norte: os selvagens ou Povo Livre como são chamados. Jon Snow está entre eles, dividido entre seus votos e o papel que que é forçado a desempenhar.
Robb, o Jovem Lobo, Rei do Norte sai vitorioso em todas as suas batalhas. Entretanto ele precisa enfrentar outras que não exijam espadas. Após romper um acordo com a Casa Frey, ele tenta se corrigir com a desfeita.
Arya continua a caminho de Correrio, entretanto muitos obstáculos surgem fazendo com que ela mude seu destino.
Em Porto Real, Tyrion luta pela vida após ter sido ferido em batalha, mas a ferida se torna muito maior após a chegada de seu pai Tywin Lannister. Agora é preciso viver com a frieza do pai e as imposições feitas por ele.
No Leste, Daenerys Targaryen está rumo a Westeros com seus dragões, mas é necessário que ela aporte em terras desconhecidas a fim de erguer seu exército e lá ela liberta muitos escravos. Agora, a menina tornou-se uma mulher poderosa e decidida a reconquistar o Trono de Ferro.

Uauu...
É o que posso dizer desse livro.
Comecei lendo ele bem tranquila, como ele é E-NOR-ME e era complicado de carregar comigo, decidi que leriam somente em casa. Mas a cada virar de página era uma surpresa e a ansiedade foi tomando conta que resolvi carregá-lo para onde fosse e assim em qualquer brecha eu poderia ler.
Lá ia eu, fila de banco era o lugar. Fila de lotérica, lá estava eu com o livro aberto. As filas e as esperas foram minhas amigas nesse tempo e enquanto muitos detestariam ficar em filas massacrantes e cansativas, elas se tornaram meu lugar preferido e quanto mais eu esperasse melhor. rs
Foi assim que terminei de ler o terceiro livro das "Crônicas de Gelo e Fogo"!
O livro é simplesmente sensacional, George Martin mantém a mesma sistemática de narração, sendo pela visão de cada um dos personagens, sendo que nesse terceiro livro duas visões foram acrescentadas: do medroso Samwel Tarly, membro da Patrulha da Noite e de Jaime, o Regicida, irmão gêmeo da Rainha Cersei.

Entretanto para mim ele é o melhor e o pior livro dos três primeiros dessa série...
George Martin simplesmente brinca com nossos sentimentos. Chegou um ponto que fechei o livro e disse: não vou ler mais! Minha vontade era jogar o livro na parede e bater no autor se possível!
Mas... Em contrapartida, o autor é genial e faz com que o livro seja totalmente imprevisível! Cada capítulo é uma surpresa, uma emoção! Muitas coisas acontecem, é uma novidade atrás da outra.
Na resenha do livro "A Fúria dos Reis" (para ler clique aqui) pedi mais de Robb e fui atendida. Ele é uma das peças centrais desse livro. Sansa por quem eu tinha certa antipatia, nesse comecei a gostar um pouquinho mais dela. Quanto ao Bran que eu achava muito fofo, achei os capítulos dele bem chatinhos. E Jon, continua sendo meu preferido ♥.

Para quem gosta de fantasia e jogos de poder "As Crônicas de Gelo e Fogo" são leitura obrigatória. Não se assuste com o tamanho dos livros, garanto que valerão e muito a pena!

"Sei que desejo você - ouviu sua própria voz dizer, esquecido de todos os votos e honra."
Pág: 279

"Sentiu a neve nas pálpebras, saboreou-as nos lábios. Era o sabor de Winterfell. O sabor da inocência. O sabor dos sonhos."
Pág: 820

14 de outubro de 2012

Meme #4

Olá!

Recebi esse meme já faz algum tempo, mas como eu tinha programado outras postagens fui deixando. Fora que tenho outro tbm para fazer, mas como recebi esse primeiro, decidi fazer esse hoje e deixar o próximo para semana que vem.
Esse recebi da Fernanda, do blog Amor Literário ;)
Obrigada pelo carinho Fê!

Vamos lá então:

1) Quais gêneros de livros você mais gosta de ler?
Difícil dizer... Tenho uma queda, das grandes, por épicos. Gosto muito de livros de fantasia, mas gosto de bons romances (ainda mais se forem de outras épocas) e os policiais tem um lugar especial em meu coração! rs

2) Você gosta mais de autores brasileiros ou estrangeiros?
Não tenho preferência, gosto de uma boa escrita e de história que prenda minha atenção.

3) Alguém te incentivou a ler? Quem?
Bem, não lembro alguém me incentivando a ler, mas meus pais sempre liam as histórias bíblicas e eu adorava. Depois, na escola, eu adorava ficar na biblioteca.

4) Você compra livros somente pela capa?
Não, apesar de alguns livros despertarem muito o meu interesse em lê-los por causa de suas capas que são lindas!

5) Para um livro ser perfeito para você, o que ele precisa ter?
Uma história que me envolva e não me faça querer parar de lê-lo! :)

6) Já desistiu de algum livro por considerá-lo maçante?
Sim! rs

7) Qual o real motivo de você criar um blog?
Criei porque queria colocar em algum lugar tudo o que eu lia e como essas leituras mexiam comigo. Extravasar meus pensamentos em relação aos livros.

8) O que você acha mais difícil em administrar um blog? 
Acho que a dificuldade não seria propriamente administrar o blog, mas sim o tempo para mantê-lo sempre atualizado.

9) Você gosta de pegar livros emprestados ou comprá-los?
Gosto de comprá-los :D e sou MUITO apegada a eles! Mas não me importo em ler livros emprestados. ;)

10) O que você aprendeu de mais valioso com os livros que você já leu?
Cada livro é uma mensagem, difícil dizer uma só. Mas sem dúvida, a maior delas é o amor ao próximo e a compaixão que a Bíblia nos ensina.

11) Você já influenciou alguém a ler?
Tento fazer isso todos os dias com as pessoas que me cercam. E uso o blog para fazer isso também! :)

Repasso para os blogs:

Fulana Leitora
Strawberry de Livros e Filmes
Garota do Livro
Estante Vertical

Aos blogs indicados, sinta-se a vontade para fazer ou não ;)

Beijo grande a todos,
Pri.


10 de outubro de 2012

Personagens Marcantes #1

Personagem escolhido: Heathcliff
Livro: O Morro dos Ventos Uivantes
Autora: Emily Bronte
Para a resenha clique aqui

Conhecendo o personagem

Ele é o filho adotivo do Sr. Earnshaw, que já possui dois filhos: Hindley e Catherine.
Desde a adoção, Hindley nutre ciúmes por Heathcliff, devido a atenção e afeto do pai. Com a morte do patriarca da família ele é desprezado e humilhando pelo irmão.
Sofrendo as constantes humilhações e nutrindo um amor por Catherine, que também o ama, mas pelas condições que agora o irmão colocava Heathcliff (como empregado da casa) ela decide se casar com outro por considerar degradante casar-se com ele. Ele ouve tudo.
Heathcliff foge e volta anos mais tarde disposto a vingar-se.

Minha opinião

Heathcliff é daqueles personagens que você ama e odeia. Lendo nos compadecemos de toda situação que ele foi obrigado a viver, compreende as motivações de sua vingança, mas não consegue aceitar o que ele faz.
Ele por vezes é tão mau, tão ruim, tão cruel e não tem qualquer vestígio de compaixão, seja por quem for. Entretanto conseguimos entender seus motivos e tudo o que fez Heathcliff tornar-se assim.
Sua crueldade está enraizado em seu amor por Catherine e logo pela rejeição sofrida. Tudo o que ele faz é para provar que ele poderia ter sido o homem com quem ela teria tido orgulho de ter se casado.
Ele é obstinado, orgulhoso e extremante vingativo, mas ao mesmo tempo sofrido, depressivo e apaixonado. Lendo ora queremos dizer "eu te entendo, você tem todos os motivos do mundo", ora quer enforcá-lo de tanto mal que faz.

Espero que tenham gostado ;)
O "Morro dos Ventos Uivantes" é para mim um dos melhores livros que lá li, daquelas histórias em que as lágrimas são inevitáveis. Um dos livros que um dia todos devem ler.

"Eu o amo; e não é por ele ser bonito, mas por ser mais parecido comigo do que eu própria. Seja qual for a matéria de que as nossas almas são feitas, a minha e a dele são iguais."
Pág: 73

Os próximos personagens para votação são:
Cersei Lannister - As Crônicas de Gelo e Fogo
Jamie Sullivan - Um amor para recordar

7 de outubro de 2012

As Crônicas de Nárnia - O Sobrinho do Mago


O livro conta a história dos amigos Digory e Polly, que após encontrarem uma passagem secreta na casa de Digory, acabam descobrindo os experimentos do Tio André.
Com essa descoberta, eles se tornam cobaias de André, que possui misteriosos anéis mágicos que faz Digory e Polly viajar para outro mundo.
O primeiro lugar onde as crianças chegam é em Charn, um lugar vazio e em ruínas. Lá eles se deparam com um salão, que a primeira vista parecia cheio de pessoas, mas após olharem bem, perceberam não possuir nenhum sinal de vida, apenas eram perfeitos bonecos de cera.
Entretanto, Digory viu uma placa que o desafiava a tocar o sino. Mesmo com a relutância de Polly, ele acaba tocando. É então que Jadis é libertada de seu sono, que nada mais é do que a própria Feiticeira Branca.
Após muitas aventuras, Digory e Polly vão parar em um mundo vazio. Lá eles começam a ouvir a uma voz que cantava ao longe e mesmo sem entender, era o som mais bonito que já tinham ouvido e foi nesse exato momento que Nárnia começou a ser criada.

Sou suspeita para falar, mas essa é uma das minhas séries preferidas! Sei que inicialmente C.S Lewis escreveu para crianças, mas foi impossível eu não me encantar com a história.
Para mim esse é um dos melhores livros das 7 Crônicas de Nárnia.  Aqui encontramos respostas para perguntas deixadas no livro "O Leão, a Feiticeira e o Guarda Roupa" que foi o primeiro filme lançado da série.
Explica como surgiu o "Guarda-roupa", quem é o tio das crianças Pevensie (o dono do guarda-roupa) e até como surgiu o "Ermo do Lampião"
Acho que o livro da criação de Nárnia só perdeu para último livro "A Última Batalha" (que a seu tempo terá sua resenha ;D). Achei maravilhoso, fiquei imaginando a Canção do Criador e como tudo foi surgindo...

"A terra tinha muitas cores - cores novas, quentes e brilhantes, que faziam a gente exaltar... Até que se visse o próprio Criador. Então todo o resto seria esquecido.
Era um Leão." 
Pág: 57

"-Nárnia, Nárnia, desperte! Ame! Pense! Fale! Que as árvores caminhem! Que os animais falem! Que as águas sejam divinas!"
Pág: 64


3 de outubro de 2012

Coluna #1

Olá! :)

Nesses dias estive pensando em iniciar algumas colunas. Muitas ideias surgiram, mas nenhuma delas me envolveu.
Quero fazer algo que não seja apenas para preencher espaço, mas algo que eu realmente goste de compartilhar com vocês ;)
Foi ai, que deu um 'plim'!
Eu que continuo na minha saga "As Crônicas de Gelo e Fogo", lendo o terceiro livro que é GI-GAN-TE (logo, logo resenha!) e devido a muitos personagens e de ficar apreensiva a cada virar de página, torcendo por um ou outro e tendo que respirar fundo algumas vezes, fiquei pensando...

Quem nunca se envolveu tanto com um livro que não conseguia desgrudar dele? Que amou ou odiou muito um personagem?
Onde uns nos fazem querer torná-los reais ou outros que temos a vontade de bater se fosse possível! Personagens com quem a gente se identifica ou não tem qualquer semelhança.

Foi ai que pensei em criar uma coluna que fale dos personagens! Não é nenhuma novidade, em alguns blogs por onde andei, acredito já ter visto algo assim!
Mas foi algo que eu me identifiquei e adorei a ideia de falar deles!

Então como vai funcionar?
Serão personagens de livros que li e que de alguma forma foi marcante para mim.Vou comentar de sua história (sem spoilers! rs), sua personalidade e o porquê eu amei ou odiei.

Então para começar, logo ao lado haverá uma votação entre dois Personagens Marcantes para mim. Durante uma semana a votação ocorrerá e aquele que ganhar será o personagem a ser comentado.
Poderá ocorrer de não haver votação em alguma semana, mas vou tentar manter sempre esse esquema, ok!

Combinado então, vamos a votação!

Espero que dê certo! ;)

Beijão

25 de setembro de 2012

Semana Internacional do Livro

Olá gentee!

Meu Deus! Duas semanas!
Ta bom, sei que sumi, mas tenho uma explicação..rs
Para quem não sabe o tempo aqui no sul é meio louco. Frio, calor, chuva, sol e até neve em algumas cidades (não é o caso da minha).  Mas, enfim, choveu sem parar nessas duas semanas. Se fosse só ela não seria o problema, mas ela veio acompanhada dos seus "irmãos": vento, muito vento (digo, quase um tornado) e granizo (chuva congelada).
Foi roupa voando e até alguns telhados levantando voo, que graças a Deus não foi meu caso.Antena do celular ficou péssima e claro, internet foi para os ares e passei esses dias sem ela.
Mas tudo voltou ao normal (menos o frio congelante que está por aqui, totalmente fora de época).
I'm back ;)

E com vocês, qual as novidades? Estarei passando em todos o blogs para me inteirar dos assuntos do mundo dos livros.

Bem, vocês devem ter percebido que estamos na "Semana Internacional do Livro" e para comemorar essa semana tão especial ta rolando no facebook um tipo de campanha que resolvi trazer para cá.
É bem simples, a regra é a seguinte: pegue o livro mais próximo de você, vá até a página 52, publique a quinta frase. Não mencione o título e copie as regras.

Então:
"Agrada-me que se lembre de mim, senhor. Tyrion largou Pod, apoiou o peso na bengala e aproximou-se bamboleando. Há algo errado, soube de imediato."

Publiquem! ;)

Beijo grande,
Pri

13 de setembro de 2012

Selo e Meme #3

Olá blogueiros e leitores de plantão :)

Recebi outro selinho! Também da querida Kézia do blog Fulana Leitora!
Muito obrigada Ké pelo carinho que tens sempre ^^



Regras:
1- Postar o selinho e colocar quem me enviou.
2- Colocar 7 coisas sobre mim
3- Escolher blogs para presentear

7 coisas sobre mim:
(depois de uns 20 minutos olhando para a tela do computador, vou começar, rs)

1 - Sonho em conhecer a Escócia e a Irlanda. Poder ver de perto os castelos, aqueles campos...[suspiro]. São lugares inspiradores para mim.
2 - Adoro 'brincar' com maquiagem e cabelo.
3 - Como todo gaúcho, ou quase todos, adoro chimarrão.
4 - Sorvete e chocolate... difícil resistir.
5 - Detesto grosseria. Acho que para tudo tem uma forma de falar, mesmo que sejam coisas duras a se dizer.
6 - Sou chorona, digo, MUITO chorona. As vezes me pego emocionada com cada coisa que até eu fico pensando: "Meu Deus, não acredito que to emocionada com isso!" rs. Mas não consigo controlar.
7 - Amo o mar. Gosto de sentar na areia e ficar olhando toda a sua grandeza e intensidade. Lugar perfeito para 'pensar na vida'. rs

Blogs indicados:
A todos que sigo. Todos merecem mesmo. Não só apenas por ser blogs lindos, com ótimas resenhas, mas principalmente por incentivar esse hábito tão maravilhoso que é a leitura. ;)

*** Mais um selinho

E ainda nessa semana recebi outro selinho da fofa da Ké! Não tenho nem palavras para agradecer pelo carinho e incentivo! De novo, MUITO OBRIGADA Kézia e é de coração! :)



E como regra de todos os selinhos, também devo repassar, mas vou seguir a politica do anterior. ;)
Indico a todos os blogs que sigo!

Beijo grande e obrigada a todos!
Pri

9 de setembro de 2012

Teste: Que livro você é?

Olá,

Hoje enquanto visitava alguns blogs descobri um teste, "Que livro você é?"
Descobri esse teste através do blog da Luara, o Estante Vertical e de brincadeira resolvi fazer e me surpreendi com o resultado, o quanto ele foi fiel a minha pessoa..rsrs

Acabei não resistindo e resolvi postar, pois achei que deu super certo, o resultado é exatamente como sou.

Então, conforme o resultado eu sou o livro:



Eu ri quando li: "...pois você também observa a vida poeticamente. E não são só os sentimentos que te inspiram. Pequenas experiências do cotidiano - aquela moça que passa correndo com o buquê de flores, o vizinho que cantarola ao buscar o jornal na porta - emocionam você. Seu olhar é doce, mas também perspicaz."

Parece que me vi nos momentos que vou para o meu "fantástico mundo" rsrsrs

Para quem quiser fazer o teste é só acessar o site Educar para Crescer da Abril. Achei a iniciativa fantástica e muito real.
Agora, é ler este livro né. Afinal se "eu sou ele" nada mais justo do que lê-lo. (rs)

Para fazer o teste clique aqui

Beijo grande,
Pri

5 de setembro de 2012

O Beijo Escarlate


O livro conta a história de Dante e Tess. Ele um vampiro, um guerreiro da Ordem que nunca pensou em se apaixonar. Vive atormentado pelas visões da sua morte. Ela uma humana, veterinária que ama seu trabalho, mas cercada de traumas. Com um misterioso dom de curar apenas com um toque.
A vida de ambos se cruzam em uma noite onde Dante, após uma luta com um Renegado (vampiros que sucumbiram a sede de sangue) é totalmente ferido e se esconde na clínica de Tess. Ela o encontra e ele acaba tomando seu sangue para não morrer.
O que Dante não esperava era reconhecer nela uma marca de nascença, revelando que Tess é uma Companheira de Raça, humanas que após partilharem do sangue com vampiro se tornam parte deles.
Atordoado com essa revelação, ele vai embora e apaga a memória de Tess. Porém ele não imaginava que essa ligação fosse tão intensa e tão forte, tudo o que ele não podia e não queria era se apaixonar, afinal estava em plena ação buscando o que está fazendo os vampiros se transformarem em renegados.

Depois de muito tempo cá estou eu lendo um livro sobre vampiros! E esse é bem diferente daqueles que estamos acostumados.
Nesse livro, vampiros são uma espécie híbrida, uma mistura de humanos com extraterrestres. Ou seja, eles bebem sangue, existe a clássica "mordida", mas não há transformação. Para ser um vampiro, só se nascer como um. E não existem vampirAs, eles são apenas homens.
Logo que comecei a ler descobri que esse é o segundo livro de uma série chamada Midnight Breed, mas resolvi não parar, consegui me situar bem, mesmo não tendo lido o Livro 1.
Gostei dele, mesmo com esses pontos diferentes. A relação de Dante e Tess é intensa, se é que vocês me entendem (rs). Eles não podem se encontrar que sai fogo!
Vou deixar claro que é um livro adulto, as descrições de sexo são fortes, para quem gosta de uma leitura hot, vai adorar!
É uma boa leitura, mas mesmo assim não fiquei com grandes expectativas para ler a sequência e o anterior. Quero ler sim, mas não fiquei com aquela fissura sabe..rsrs, aquela necessidade, de não conseguir ficar sem ler.

Então, alguém já leu algum livro dessa série? O que achou?

Beijo,
Pri

3 de setembro de 2012

Selo e Meme #2



Olá!

Recebi esse selinho da fofa Kezia, do blog Fulana Leitora . Fiquei muito feliz, pois é uma retribuição ao trabalho que tenho feito. Simples, mas com muito carinho. Muito obri Kezia ^^.

Vamos as regras:
1-Repassar o selo para 10 pessoas e avisá-las.
2-Responder as perguntas.

Vamos lá então:

Nome: Priscila

Uma música: Sublime, Leonardo Gonçalves.

10 coisas sobre mim:

1. Amo livros de paixão, ninguém sabe né. Mas tenho outra tão grande quanto essa: a dança. Sim! Ballet, sapatilha de ponta e tudo (apesar que o contemporâneo é mais a minha cara, eu diria expressivo, acho lindo!). Se deixar fico olhado um dia inteiro 'So think you can dance'.
2. Sou cristã. Sim vou a igreja e sim, leio a bíblia. Me apaixonei por aventuras ai.
3. Sou casada a 5 anos com meu melhor amigo *Te amo Clomar*.
4. Meu instrumento preferido é a guitarra! Isso se deve ao meu gosto musical, que é o rock.
5. Sou muito desligada, muito mesmo. Meus amigos costumam dizer que vou para o "fantástico mundo" ou para "Nárnia" (rs).
6. Não gosto de livros de auto ajuda, do tipo: "10 passos para ser feliz". Não digo que não ajudam, mas não acredito em fórmulas (que não sejam, matemáticas, químicas e físicas).
7. Sou formada em Ciências Contábeis, mas vou abandonar 6 anos trabalhando nessa área para trabalhar com um hobby que virou profissão: a fotografia.
8. As vezes acho que nasci na época errada. Coisas antigas, histórias, conceitos, princípios me encantam. Me dá certa nostalgia. Acho que por isso escolhi o nome do blog de Baú, porque me remete a essas coisas.
9. Amo, amo cinema. Vou pelo menos uma vez por semana. Meu estilo preferido são os épicos (Senhor dos Anéis sou fã!). Mas gosto daqueles que me surpreendem e me fazem 'pensar'. E não vou negar que gosto de um bom terror (rs) e suspense!
10. E por fim...Gosto muito de escrever. Tenho cadernos, diários até hoje e um blog onde posto textos meus. (Coitado, ta meio abandonado...)

Humor: Difícil me tirar do sério. Para que isso aconteça a pessoa tem que ser muuito irritante.

Cores: preto, lilás e de uns tempos pra cá o bordô.

O que achei do selo? Um mimo! Fico feliz de ter recebido, demonstra o carinho de quem lê e me incentiva a continuar.

Blogs indicados:

Aos blogs indicados, sintam-se a vontade para fazer ou não :) Sei que a maioria, talvez todos já tenham recebido este selo :)

Beijo grande a todos,
Pri

31 de agosto de 2012

Condenáveis


O livro conta a relação, se é que pode dizer que há uma, de Leonardo (ou Leozinho como é chamado no livro) e seu pai, o Trovão, policial civil, conhecido pelo combate ao tráfico de drogas.
O livro inicia quando Leonardo descobre, através de um programa de TV, que seu pai foi preso através da "Operação Guilhotina", sendo acusado de repassar informações sigilosas e venda de armas a traficantes no Rio de Janeiro. Entretanto esse apenas foi mais um ponto para que a distância entre eles se tornasse maior, mas tudo começou quando ele ainda era criança.
Filho de pais separados, o pai sempre foi um estranho e desde pequeno tinha certa aversão as visitas daquele homem a quem chamava de pai. Isso se acentuou na adolescência, até que um fator determinante fez com que rompessem totalmente os laços, se é que existiu em algum dia...

Fiquei muito feliz ao receber o e-book do Leonardo (primeiro parceiro do Baú :D), me interessei de cara pelo livro. Acredito por tratar de temas tão atuais do nosso país como a corrupção. Mas a essência do livro não é essa e sim o relacionamento de um pai e um filho.
Gostei bastante da leitura! Fácil, simples, foi como se eu tivesse pego o próprio diário dele e invadido toda a sua privacidade. Digo que ele foi muito corajoso ao se abrir tanto.
É um livro que te prende, pois queremos entender o que faz a relação de pai e filho simplesmente não existir. Admito que por vezes fiquei triste, afinal não há como não se envolver (se eu já me envolvo com ficção, imagina reais...), mas por dois motivos: o primeiro porque naturalmente se espera uma solução, um momento em que um ou o outro vai ceder, pedir perdão. O segundo porque lembrei muito de um amigo que tenho e apesar das histórias não terem qualquer semelhança, foi impossível não lembrar dele e da relação conturbada que tem com o pai. E das milhões de vezes que já ouvi ele dizer que não gosta do pai.
Acho que foi um choque de realidade. Eu pensava quando esse meu amigo dizia isso, "ele diz isso da boca pra fora. Pai é pai!". Mas entendi que "pai é pai", quando se tem um.
Apesar do tema, ele consegue tirar boas risadas, ele é de um senso de humor incrível.

Eu gostei muito do livro é daqueles que te faz refletir, pensar. Faz a gente ficar divagando e pensando nas decisões que cada um tomou. Não há mocinho, não há vilão. Acredito que ambos são os dois. Como o próprio nome do livro, ambos são Condenáveis.

Indicação certa! Para quem não leu, vale a pena conferir!

Beijo grande
Pri

28 de agosto de 2012

Novidades #1

Olá! :)

Desculpem meu sumiço, mas essa semana tive alguns problemas técnicos no computador/internet o que me fez passar o final de semana todo em off. (rs)
Mas, agora, com os problemas resolvidos, estou de volta. :))
Semana passada recebi meu marcador do Círculo de Pedra que ganhei em um sorteio no Blog Livros e Chocolate, da querida Flávia. Espero que seja o primeiro de muitas promoções!










Mas além desse mimo que chegou e me deixou muito feliz, semana passada enquanto eu visitava alguns blogs acessei o blog da Kezia, o Fulana Leitora e ela falava dos sebos e das compras que ela havia feito. Me inspirou...rsrs. Na rua do meu trabalho há um sebo e fazia um tempão que não visitava. Naquele dia resolvi entrar e tive uma surpresa maravilhosa!
Nem precisei olhar muito, ao entrar um livro já me chamou a atenção! Um livro que a muito tempo eu já queria. Olhei, olhei e ele estava em perfeito! Perguntei o preço, apenas R$ 5,00 ! Não resisti e claro, comprei :)










O Livro 1, da trilogia do Senhor dos Anéis ^.^

















Nem acreditei quando vi, um livro em tão bom estado por um preço tão pequeno!
É claro, depois disso, os sebos se tornaram um ponto certo para mim!



Beijo grande a todos!
Até mais,
Pri :)






20 de agosto de 2012

79 Park Avenue

Marja e Mike se apaixonaram quando ainda eram bem jovens. Ela era daquelas mulheres que por onde passava chamava a atenção, era linda.
Se conheceram quando ela estava namorando Ross, mas acabaram se apaixonando. Entretanto a vida nunca foi fácil para nenhum dos dois.
Após a morte do pai a mãe de Marja se casa novamente, porém o padrasto tem outros olhos para ela. Para fugir das investidas do padrasto ela resolve trabalhar em um dancing.
Mas a mãe de Marja acaba falecendo e as investidas do padrasto se tornam mais frequentes e ousadas e em uma noite, depois de estar com Mike, ela encontra Peter (o padrasto) bêbado, e ele estando totalmente transtornado, acaba estuprando Marja.
Tomada de raiva, ela rasga o rosto do padrasto com uma faca...

A polícia chega, porém revoltada com tudo se recusa a falar o porque de atacar o padrasto. Ela então acaba indo para um reformatório e lá descobre estar grávida.
Passado algum tempo ela sai do reformatório e resolve deixar todo seu passado para trás, incluindo Mike.

Anos se passam e um novo encontro,agora diante do tribunal. Ele o advogado de acusação, ela a ré, acusada por ser responsável por uma agência de modelos que servia de fachada para aliciar meninas para a prostituição.

Esse foi um livro que uma colega me emprestou. Uma história forte e intensa, que mostra o que traumas e escolhas podem acarretar na vida de duas pessoas.
Marja é daquelas mulheres atraentes que nenhum homem resiste. Mike é doce e bom, pobre que deseja crescer na vida e ter uma família ao lado dela. Mas a vida cheia de surpresas, acaba afastando os dois e devido a caminhos que cada um tomou, a distância entre eles se torna cada vez maior, até agora.
Gostei bastante do livro, apesar de não ser assim: maravilhoso! Mas uma boa história, tratando de temas bem intensos, como a prostituição e o estupro.
E de como o amor pode durar, mesmo em meio a tanta dor e escolhas erradas. É uma boa leitura.

É um livro bem antigo (dá para ver pela capa), minha versão é de 1986, as páginas estão bem amarelinhas..rs
Em minhas pesquisas descobri que existiu uma série de TV baseada nesse livro de 1977.

Um livro difícil de encontrar, mas que vale a pena a conferir!

Ps: Enquanto isso, não sei se aprovo ou não a mudança no layout, achei bem bonitinho, mas não sei, o antigo era mais simples mas eu gostava..rsrs Se por acaso eu mudar de novo, não se espantem :)

Até mais,
Pri


15 de agosto de 2012

Água para Elefantes


Jacob é um estudante de veterinária, mas após ter sua vida totalmente transformada pelo acidente e morte dos seus pais ele resolve abandonar tudo.
Sem saber direito o que fazer, ele acaba pulando em um trem em movimento, o Esquadrão Voador do Circo dos Irmãos Benzini, o Maior Espetáculo da Terra. Após ser encontrado nos vagões ele é admitido para cuidar dos animais.
No circo Jacob acaba sofrendo nas mãos do Tio Al e também por August, um homem que parece ser bom, mas de gênio forte e explosivo, responsável pelo setor dos animais e casado com Marlena.
Marlena, é esposa de August e também a encantadora de cavalos e Jacob acaba se apaixonando por ela.
E é no circo que ele também se apaixona pela segunda vez, por Rosie, a elefanta aparentemente burra que não consegue fazer nada além de comer, onde todos do circo esperam que ela seja a salvação dele.

Eu particularmente não gostei desse livro. Achei ele chato e sem muito sal.
Romances nós temos aos montes e para mim eles tem que ter algo que me surpreenda ou mexa comigo de alguma maneira e isso não encontrei em Água para Elefantes.
A história é bem elaborada e tem fatores para ser um bom livro, mas ele não conseguiu me cativar.
Esperava que a relação de Jacob e Rosie (a elefanta) fosse mais forte e mais emocionante (livros/filmes com animais sempre me fazem chorar...). A parte que me emocionou foi de Marlena com seu cavalo (vou me deter nisso para não ter spoilers).
Quanto a relação de Jacob e Marlena é bonita, mas não é aquela que nos arrancam suspiros.
Posso dizer que gostei do final, achei ele criativo e de certa forma me surpreendeu. Foi uma das partes que mais gostei do livro. (rs)

Como vocês podem ver pela capa do livro (que tem Robert Pattinson e Reese Witherspoon) há uma adaptação dele para o cinema. Mas como já não gostei do livro nunca tive vontade de assistir. Não sei se é bom, ruim ou fiel a história.
Quem sabe um dia desses eu assista para pelo menos ver se ele é fiel ao livro e para ter uma opinião sobre ele. Mas um dia desses, quem sabe... :)

Pri

11 de agosto de 2012

Orgulho e Preconceito - filme


Continuando o post anterior, onde falávamos do livro Orgulho e Preconceito de Jane Austen, vamos ao filme!
Como sempre minha opinião em relação aos livros serem melhores que as adaptações continua a mesma. Nessa versão, entretanto, o livro e filme não são muito diferentes. Ele até que foi bem fiel, mas por ter lido o livro antes de assistí-lo eu acabo sempre criando uma expectativa, o que acaba me frustrando.

O filme é bom e lindo, apesar de eu ter achado ele meio paradão (rs), acho até que dormi em algumas partes quando assisti pela primeira vez, mas a fotografia compensa! Eles conseguiram captar bem a época e os costumes. As cenas são simplesmente lindas, os lugares filmados maravilhosos!
Palmas para Keira Knightley que é sempre maravilhosa em seus filmes.
Os pontos negativos foram mais em relação a personalidade dos personagens:
Sr Bennet, no livro ele é tão divertido quanto Elizabeth e no filme ele ficou apagado.
O interesse da Caroline Bingley em Mr Darcy não fica claro no filme.

Como sempre eu esperei um pouco mais do filme, mas ainda sim ele é muito bom.
Quem quiser conferir vale a pena, mas não deixe de ler, o livro é realmente maravilhoso!


Até mais,
Pri

6 de agosto de 2012

Orgulho e Preconceito


Inglaterra, século XVIII. Bingley aluga a propriedade de Netherfield. Ele chega à cidade acompanhado de sua irmã Caroline e seu melhor amigo Darcy.
Alvoroçados por dois jovens solteiros chegando a cidade, as famílias tratam logo de recepcioná-los. Todos com o intuito de casar uma de suas filhas. Porém Bingley acaba por se apaixonar pela filha mais velha dos Bennet´s, Jane.
Na festa dos novos moradores, Bingley é bem recebido por todos, enquanto Darcy mantém uma postura distante e altiva. Durante as danças Bingley e Jane passam o tempo juntos, mas para socializar o amigo Darcy, Bingley sugere que ele dance com a irmã de Jane, Elizabeth Bennet, porém ele não aceita dizendo que ela não é bonita o bastante. Elizabeth, ouve tudo.
Ela indignada com a aparente rejeição de Darcy rebate o orgulho dele com toda sua espirituosidade.
Entretanto certos do noivado de Bingley e Jane, de repente os três vão embora da cidade sem se despedir. Elizabeth achando que tudo foi tramado por Darcy e Caroline para separar o casal apaixonado, acaba detestando Darcy cada vez mais. Mas as circunstâncias fazem Elizabeth e Darcy se encontrarem e seu sentimento por ele continua o mesmo. Ironicamente Darcy, em secreto, começa a se apaixonar por ela.

Até que enfim eu vou falar de um livro que tanto amo! Sem dúvida esse para mim é um dos melhores romances que já li. Com certeza um dos meus preferidos, isso se não for o preferido! (rs)
Amo a história, o tema abordado, a época, os personagens! Tudo nele é maravilhoso!
Elizabeth é a mocinha, mas não espere uma menina frágil... "pois tinha gênio divertido e entusiasmado, que se deliciava com qualquer coisa de ridículo." Ela é espirituosa, tem uma língua afiada e totalmente a frente do seu tempo.
Darcy, orgulhoso, altivo, porém muito justo e íntegro..."ensinaram-me o que era certo, mas não me ensinaram a corrigir meu gênio." No início você pensa:"Como pode tratar alguém assim?" mas aos poucos vamos conhecendo e não tem como não se apaixonar.
A história é exatamente sobre Orgulho e Preconceito. Orgulho dele, preconceito dela. Sobre dissipar as aparências e as primeiras impressões.
Sem dúvida um livro para se ter na cabeceira da cama. Para ler, reler e ler novamente.

Ah e vale lembrar que há uma versão para o cinema desse livro, mas vamos deixar para comentar dele em outro post! :)

Até mais,
Pri

1 de agosto de 2012

Quando Ela se Foi


"Quando você elimina o impossível, o que restar, não importa o quão improvável, deve ser verdade."
Sherlock Holmes

Eram 05:00 am e Myron Bolitar recebe uma ligação de Terese Collins dizendo: "Venha para Paris".
Fazia 10 anos que ela havia sumido sem deixar pistas e de repente aquela ligação!? Lembranças vieram à tona: quando eles fugiram, a ilha e as semanas que passaram juntos.
Ela insiste e mesmo com o coração acelerado ele diz não.
Após uma briga com o treinador de basquete de seu enteado e o termino do relacionamento com Ali, Myron não consegue esquecer a ligação de Terese. Ela liga novamente, mas agora desesperada pedindo por favor que ele vá para Paris. Ele então resolve ir.
Lá ele descobre que o ex marido de Terese, Rick Collins foi assassinado e ela é  principal suspeita. Entretanto, estranhamente, na cena do crime além do sangue da vítima, há longos fios de cabelos loiros e uma mancha de sangue que o teste de DNA revelou ser da filha de Terese e Rick. Porém a única filha morreu 10 anos atrás em um acidente de carro.
Agora Myron e Terese correm para provar a inocência dela e descobrir o que realmente aconteceu a filha que achava ter perdido a muito tempo.

Sinceramente eu achei que não ia gostar muito desse livro quando minha colega ofereceu para eu ler. Peguei e não consegui mais largar.
Myron é um personagem fantástico. Engraçado, carismático e muito orgulhoso (me lembrou um pouco Sherlock Holmes). Os pensamentos e sua auto confiança nos tira boas risadas.
História é bem elaborada, as tramas te deixam apreensivo. Você precisar chegar ao final e descobrir todo mistério envolvido! Imaginamos mil coisas, mas ele nos surpreende! (gosto disso, de história que nos fazem dar mil voltas e pensar em todas as possíveis soluções e ainda te surpreender)
Fiquei imaginando o filme dele e se um dia fizerem e manterem o original será demais! Conspiração, politica, religião, mistério e muita ação. E um final para se pensar: será que vai haver uma continuação?
Gostei muito do livro e fiquei com muita vontade de ler os demais livros de Harlan Coben. Romance policial de primeira!

Até mais,
Pri

30 de julho de 2012

Meme #1

Olá pessoal!

Hoje vou compartilhar meu primeiro Meme do meu blog sobre livros! Ganhei esse presente da querida Flávia do blog Livros e Chocolate !
Fiquei muito feliz, afinal meu blog é um baby nesse mundo dos blogs sobre livros (tenho um outro blog mais antigo, mas são textos que eu escrevo ..) e me senti muito honrada, pois mesmo eu sendo uma novata por aqui, fui presenteada! Obrigada Fla! :)
Curtam o blog dela que é demais!
Então vamos lá aos sete pecados da literatura:


>Ganância<

Qual seu livro mais caro? E o mais barato?
O mais caro foi o livrão contendo todos os 7 livros das Crônicas de Nárnia, que paguei R$80,00 (depois descobri que na internet tem bem mais barato, mas valeu a pena o investimento).
O mais barato foi Um Amor para Recordar, R$20,00.

>Ira<

Com qual autor(a) você possui uma relação de amor/ódio?
Atualmente é com George R.R Martin. Depois de começar a ler As Crônicas de Gelo e Fogo fiquei impressionada com a genialidade e criatividade dele para escrever. Porém ao mesmo tempo ele não tem qualquer apego aos seus personagens, sejam principais ou secundários (o que talvez isso faça parte de toda grandiosidade do escritor), mas ele simplesmente não tem piedade. Dói porque nos apegamos e lendo a gente fica pensando:"não, não, ele não!" (rs)

>Gula<

Qual o livro que você devorou sem vergonha?
Foi Marley e Eu. Entre 2 e 3 horas (não lembro)
Fui visitar minha sogra que mora em outra cidade e minha cunhada tinha acabado de comprar esse livro. Como  eles estavam jogando resolvi ler, mas como iria voltar naquele mesmo dia para minha cidade, tive que ser rápida pois não poderia levá-lo comigo.

>Preguiça<

Qual o livro que você tem negligenciado devido à preguiça?
São dois, Mil dias em Veneza que comecei a ler mas não consegui sair das primeiras páginas e O Vermelho e o Negro que nunca consegui terminar.

>Orgulho<

Qual livro que você tem orgulho de ter lido?
Difícil... mas, Orgulho e Preconceito, eu simplesmente amo essa história. Ela é linda e eu adoro todo o contexto do livro, a época, os personagens, o que ele aborda. Certamente de todos os romances, meu preferido!

>Luxúria<

Quais os atributos você acha mais atraente em personagens masculinos e femininos?
Para ambos, a personalidade.Gosto de personagens fortes, que sabem o que querem. Com um toque de doçura e romantismo. Ao mesmo tempo tem aqueles que dá vontade de pegar no colo e levantar a espada para defender. É uma mistura, com equilíbrio. E claro, personagens que me fazem rir!
Feminino: Elizabeth Bennet (Orgulho e Preconceito) forte, espirituosa e de língua afiada. Não se importa com as opiniões, a frente de seu tempo. Dany Tagaryen (Guerra dos Tronos) começa tão frágil, mas ao longo da leitura se torna forte e determinada.
Masculino: Darcy (Orgulho e Preconceito). Honrado e orgulhoso. Justo, ao seu ponto de vista. Totalmente apaixonado. Jon Snow (Guerra dos Tronos) filho bastardo, tratado com total indiferença e deixado de lado. Se torna um grande guerreiro dos Patrulheiros, forte e corajoso.

>Inveja<

Quais livros você gostaria de ganhar de presente?
Todos que quiserem me presentear..rsrsrs (só prefiro que não sejam de auto ajuda, gosto de histórias ;P). Mas falando sério, tenho visto muitas resenhas do livro Cinquenta Tons de Cinza, que parece muito bom! Também O Senhor dos Anéis (nunca li o livro, mas sou apaixonada pelo filme).
E quero os clássicos, esses são sempre sensacionais!

Acho que era isso pessoal!
O legal nisso é que através de coisas simples como essa podemos conhecer um pouquinho nossos amigos blogueiros que só vemos por aqui!
Bem, eu devia repassar o Meme para outros blogs, mas como os que sigo, acho que todos já fizeram, os que quiserem sintam-se a vontade para fazer!

Obrigado mais uma vez a Flávia que me repassou!
Beijo grande, até mais :)
Pri

26 de julho de 2012

A Fúria dos Reis

Após as reviravoltas do Livro um das Crônicas de Gelo e Fogo (A Guerra dos Tronos, para ler o post sobre ele clique aqui ) o livro inicia sob tensão.A guerra está declarada entre os Starks e os Lannisters e quatro Reis são levantados em Westeros: Joffrey, Robb, Stannis e Renly.

Em Porto Real, Tyrion Lannister, agora Mão do Rei, se prepara para a guerra. Junto com seus mercenários tenta por ordem as rebeliões e ao desespero na cidade. Ele tenta de todas as formas aliados e maneiras para os inevitáveis confrontos. Porém também tem que lidar com Cersei Lannister, a cruel e fria Rainha Regente, sua irmã e mãe de Joffrey.
Avançando aos poucos está Stannis irmão mais velho do falecido Rei Robert, que aliado a uma misteriosa religião se prepara para tomar o Trono de Ferro. Renly irmão mais novo de Robert e Stannis também se proclama Rei e vai em busca do trono.
Ainda há os Greyjoy, senhores da Ilha de Ferro, que planejam vingança a todos os que humilharam a 10 anos atrás.
Do outro lado do mar continua a saga de Daenerys Tagaryen, após suas perdas ela se torna cada vez mais forte. Agora, com seus dragões, ela chega à cidade Qarth, onde procura navios para que ela possa levar os Dorathki e tomar seu trono por direito.
Além da Muralha continua Jon Snow junto aos Patrulheiros, mas é necessário que eles se separem e é então que ele encontra o povo livre e as circunstâncias fazem com que Jon se una a eles.

Geeente vocês não sabem como é difícil fazer uma resenha desse livro! São tantos detalhes importantes que se eu colocasse tudo, o post seria enorme, mas tentei resumidamente colocar os principais pontos para que vocês se situassem mesmo não tendo lido o livro um.
Eu particularmente, estou adorando, As Crônicas de Gelo e Fogo e esse segundo livro não foi diferente. Forte, intenso, que prende de uma maneira que nos faz não querer largar o livro. Apenas senti falta de Robb, afinal sendo ele um dos Reis que foram levantados, sempre foi distante. Não houve nehum diálogo dele, era apenas mencionado, espero que depois de tantas vitórias de Robb eu o 'veja' mais no Livro 3.
Assim como no primeiro livro, A Fúria dos Reis termina nos deixando no vácuo, que se você não tem o terceiro volume, corre para livraria para comprar (o meu já está aqui!)

Então fica a dica para essa série de livros que é demais! Mas não espere romances ou amor arrebatador, não é isso que encontramos. É um livro de guerra, vingança, ambição pelo poder e mostra, muitas vezes de maneira cruel, o que acontece em meio a guerra...

Beijo grande a todos!
Pri :)



18 de julho de 2012

Ps, eu te amo - filme


Dando continuidade ao post anterior, onde falávamos do livro Ps, eu te amo, vocês já sabem que há uma adaptaçao dele para o cinema.
A essência da história é a mesma. Gerry, Holly, as cartas, alguns personagens também, MAAAS a semelhança acaba aqui, o filme é bem diferente.
Eu li o livro antes de assistir o filme e isso fez com que eu esperasse mais dele (não sei porque no cinema, eles tem o costume de mudar a história...). Acabei sendo mais crítica, olhando cada cena e dizendo : "não é assim", "mas no livro é diferente", "NÃÃO" rsrsrs
Para os que leram e assistiram podem dizer que foram apenas detalhes, mas para mim fizeram toda diferença.

*
*
*

Bem, eu cheguei a escrever aqui algumas diferenças que para mim foram gritantes, mas desisti de colocar, pois os spoilers são inevitáveis e eu ia acabar contando partes importantes do livro/filme para quem ainda não leu/assistiu.
Mas observem os personagens Daniel (filme e livro), ai no filme ele é irritante. E William (no filme) que simplesmente no livro ele não existe!
Bem no final das contas eu prefiro mil vezes o livro, ele dá uma entonação bem mais doce e romântica a história e bem mais triste também. Mesmo assim chorei em ambos (não posso ver/ler uma cena emocionante que já saio fungando..rs)
Então fica a dica para a leitura  e também ao filme, depois façam as suas comparações.

Beijo grande a todos!

Pri :)


14 de julho de 2012

Ps, eu te amo




"O plano dos dois era muito simples. Permanecer juntos pelo resto de suas vidas. Um plano que qualquer circulo de amigos concordaria que era realizável. Todos os consideravam excelentes amigos, amantes e almas gêmeas destinadas a ficarem juntas. Mas por acaso, um dia o destino havia mudado mesquinhamente de ideia."

Holly e Gerry eram apaixonados desde a adolescência. Totalmente dependentes e era impossível imaginar um sem o outro. Porém Gerry é diagnosticado com uma doença terminal, fazendo com que Holly prontamente saísse de seu emprego para ficar cuidando dele e passar o máximo de tempo possível ao seu lado.
Dois meses se passam desde a morte de Gerry, e Holly está totalmente perdida. E é nesse momento que surge um pacote deixado por ele. Cartas para os meses que estavam por vir com uma lista de tarefas que Holly deveria fazer, para que dessa forma, esse momento tão difícil fosse superado. Todas as cartas assinadas por Gerry e com um pequeno lembrete: Ps, eu te amo.

Esse foi um dos romances mais lindos e tristes que li.
A história de Holly e Gerry é emocionante, nos leva a sorrir, chorar e ver que algo pode surgir mesmo de um momento de dor.
Mas o livro não é apenas sobre amor, mas também sobre descobrir-se. A medida que Holly lê as cartas deixadas por Gerry, mesmo que em muitas ela se sinta incapaz de fazer, as tarefas vão fazendo com que Holly se descubra, veja quem ela é. Aos poucos ela vai descobrindo seu potencial e tudo o que é capaz de fazer.

É uma história linda, vale a pena a leitura!

Há também uma adaptação deste livro para o cinema, mas vou deixar para falar dele em outro post. ;P

Pri

5 de julho de 2012

Tudo o que eu queria te dizer


"Em Tudo o que eu queria te dizer Martha Medeiros assina cartas reais, trágicas, por vezes cômicas, devastadas por sua dor. Em comum, as personagens desse livro têm a verdade de quem atravessa um ponto de virada em suas vidas e resolve colocar as cartas na mesa."

Imagine tudo aquilo que você gostaria de dizer a alguém, mas não tem coragem ou não encontrou o momento certo.
Pedir perdão? Dizer que ama? Agradecer? Assumir um erro? No livro "Tudo que eu queria te dizer" de Martha Medeiros é o que encontramos.
São cartas com destino certo, recheadas com histórias que emocionam, surpreender e nos fazem rir.

Li por acaso esse livro e já faz bastante tempo. Um dia em meu trabalho uma das minhas amigas estava com ele e eu perguntei, ela prontamente disse para eu levar, que eu ia adorar o livro.
Eu li e realmente gostei muito desse livro. É daqueles livros gostosos de se ler, leve, que sem a gente perceber está nos fazendo sorrir.
Cada capítulo é uma carta e quando chegamos ao final sempre há uma expectativa, pois nenhuma delas tem qualquer relação. Cada capítulo (carta) é diferente da última lida.
Sentimentos oscilam, ora você se sente no lugar do autor da carta, ora como o destinatário.
É um livro muito bom!

Então, indico a leitura, além de ótimo, ainda é uma autora da nossa terrinha! São 170 páginas se não me engano, é uma leitura rápida e de emoção certa.

Beijão a todos e obrigada sempre pela visita.
Pri :)

27 de junho de 2012

Como tudo começou

Essa semana enquanto eu procurava um novo layout para o blog (o que ainda não encontrei) fiquei pensando como e quando começou minha paixão pelos livros.
Já li tantos que perdi a conta. Sou do tipo que anda com um livro dentro da bolsa e lê até andando (já tomei alguns sustos por causa disso...rs).
Para mim, ler um livro é como se desligar do mundo, é como se ao ler fosse transportada para outro lugar, minha imaginação voa longe, me sinto parte do que estou lendo. Meus amigos dizem que vou para o meu 'fantástico mundo'.(rs)

Bem, eu acredito que eu tinha uns 10, 11 anos e na escola uma das professoras começou a incentivar minha turma a ler a Coleção Vagalume da editora Ática!  (alguém ai lembra?). 

Na minha lembrança veio uma enxurrada de livros que li: Na Mira do Vampiro, A maldição do Faraó, A Ilha Perdida, O Mistério da Cidade-Fantasma (já deu de ver que eu tinha uma quedinha pelas histórias com um toque sobrenatural), todos direcionados a adolescentes e de no máximo 100 páginas.

Eu adorava e foi ai que comecei a em apaixonar pela leitura. Terminava um e começava outro, carregando sempre um livro na mochila.
Não sei o que aconteceu a essa coleção, nunca mais vi, acho que adolescentes não se interessam mais por coisas assim. Hoje as crianças já iniciam lendo a Saga Crepúsculo ou Harry Potter (rs).

Então, como começou a sua paixão? Lembra qual foi o primeiro livro que leu?

Até logo,
Pri :)